Rita de Cássia

Maria, Filha do Sertão

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Sou filha do sol, sou da terra
Gerada no meu sertão
Criada na luta, labuta
Plantando e buscando o pão

Meus olhos são de menina
O corpo já é de mulher
Quem não usa creme nas mãos
Mas batalha com garra e fé

Que acorda com o sol nascente
E já prepara o café
Busca lata d'água na cabeça
Andando léguas a pé

Meus olhos são de menina
O corpo já é de mulher
Quem não usa salto alto
Mas batalha com garra e fé

Sou maria, sou filha da noite e do dia
Trabalho no dia a dia
Sou filha do sertão
Sou maria, sou mãe, sou mulher
Ainda dou cafuné no meu 'lampião'


Autor(es): Poetisa Rita De Cássia

Canciones más vistas de

Rita de Cássia en Octubre