Meu Amor Que Ela Roubou

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Venho com pressa, morena
Nem desatei as chilenas
E mal a cincha frouxei
Ando estendendno a tostada
E aproveitei a cruzada
Pra buscar o que deixei

O pala que tu gostava
E que sempre te tapava
Quando ubatia um ventito
Algumas franjas faltando
Mas o arreio enfeitando
Ainda fica bonito

O meu lenço domingueiro
Que pra sentir o meu cheiro
Pediste e não te neguei
Vou levar ele no más
Pois falta já não te faz
Não vai pensar que não sei

Enquanto tudo me alcança
Meu peito velho balança
E eu disfarço o olhar
Entrega tudo pra mim
Como dizendo, assim
Que eu nunca mais vou voltar

Também trago o que é teu
A fita que tu esqueceu
E guardei lá na estância
Do teu cabelo, o aroma
Trazia a saudade à tona
Por toda nossa distância

A imagem da santinha
Gravada na medalhinha
Devolvo com muito custo
Me apertou um redomão
Me deste, por proteção
Tremendo de tanto susto

Muitas vezes eu fingia
Que disso tudo esquecia
Só pra morena rever
Mas dessa vez só ficou
Meu amor que ela roubou
E não quis me devolver


Autor(es): Francisco Brasil / Marcelo Oliveira

Las canciones más vistas de

Marcelo Oliveira en Septiembre