Moça de Feira

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Se não chover
Amanhã vou passear
Comprar farinha
Lá na feira do Pilar

Lá no Pilar
Numa certa bodeguinha

Sá Lariquinha
Bota a filha no barcão
E a Catarina
Com seus óio gatiado
Bota os cabra apalermado
Nem repara a medição
Os óio dela tem veneno de serpente
E é mais quente que o sol de Quixadá
Farinha crua, tá azeda, tá mofada
Mas os cabra num vê nada
Nem o troco quer contar

Lá no Pilar
Com o negócio da farinha
Sá Marquinha
Vai ganhando um dinheirão

Já tá ricaça
No entanto é tão ladina
Que num deixa Catarina
Namorar com ninguém não
Sá Marquinha
Não se afasta da bichinha
O dia inteiro encostada no barcão
Se a Catarina
Num consegue seu intento
De arranjar um casamento
Vai ficar no barracão

Las canciones más vistas de

Dominguinhos en Septiembre