Não Sei Se Devo

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Não sei se devo nem falar daquele tempo
É um contratempo algumas vezes relembrar
Meu violão faz muito que está guardado
A janela está fechada e ela não quer mais escutar
O seresteiro que debaixo da sacada
Olhando a lua ia cantar pra namorada
Agora a noite não tem tanta poesia
Ai, meu Deus como eu queria pelo tempo retornar

Eu pegaria o violão de sete cordas
Pra com os amigos um chorinho improvisar
Eu cantaria uma trova para ela
Que abriria a janela pra comigo namorar

Eu lhe daria as estrelas e a lua
E se ela pedisse, também, lhe daria o céu
Na madrugada ela adormeceria
E sonharia com o amor do menestrel

Não sei se devo nem falar daquele tempo
É um contratempo algumas vezes relembrar
Meu violão há muito tempo está guardado
A janela está fechada e ela não quer mais escutar
O seresteiro que debaixo da sacada
À luz da lua ia cantar pra namorada
Agora a noite não tem tanta poesia
Ai, meu Deus como eu queria pelo tempo retornar.

Canciones más vistas de

Paulinho Natureza en Septiembre