Não Sou Palhaço De Ninguém

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Nosso romance terminou tão de repente
Com seu desprezo eu fiquei desesperado
Naquela noite ao lhe perder chorei demais
Nunca esperava por um outro ser trocado.
Pra lhe dar luxo eu vendi tudo que tinha
E gastei tudo até meu ultimo vintém
Quando você percebeu o meu fracasso
Mais que de pressa me trocou por outro alguém.

Você fez de mim gato e sapato
Sua beleza agora já não me convém
Eu só quero que você vá para o inferno
Porque não sou palhaço de ninguém.

Em minha raiva tomei esta decisão
Já tenho outra e este amor muito me quer
E nunca mais quero sofrer do mal de amor
E nunca mais vou ser trouxa de mulher.
Você pode vir até pintada a ouro
Meu coração batendo forte, ele dispara
Não volto atrás, tomei esta decisão
Mulher nenhuma vai sorrir da minha cara.


Autor(es): Marciano / Waldemar De Freitas Assunção

Canciones más vistas de