Não Vou Parar

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Nos tempos da Eldopop
O bicho do rock mordeu
uma geração de malucos
assim o Acidente nasceu

Em cada varanda, garagem e bar
Mais uma banda a tocar
A festa estava montada
E não pararia por nada

Não vou parar
Não vou parar
O rock vai sempre rolar
Não vou parar

A grana levou ao poder
Meia dúzia de apaniguados
Viraram o astral pelo avesso
Fizeram do lado errado

A festa melou
O sonho acabou
O show cancelaram
O disco encalhou

Quebraram o que não construiram
Jogaram no lixo e sumiram

Não vou parar
Não vou parar
O rock vai sempre rolar
Não vou parar

No prog eu me refugiei
Porque é o melhor som que há
Razão pra viver encontrei
Deixei a borrasca passar

Ré Sol Lá chamou-me então
E volta a exigir seu quinhão
Pois tudo isso sempre foi meu
Anos setenta não morreu

Não vou parar
Não vou parar
Um dia o meu fim vai chegar
mesmo assim eu
Não vou parar uh
Não vou parar.


Autor(es): Paulo Mal

Canciones más vistas de

Acidente en Septiembre