Negra Damares

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu conheci uma negra
Mais forte que a luz do dia,
Que oferecia o amor
Falando de utopia
E desfazia tristezas
Nas salas da santaria

Ela é a negra Damares
É a beleza de Iorubá,
Ela é a negra Damares
De Santiago de Cuba

Todo seu corpo é danca,
Todo o seu corpo é prazer,
Se ela nos olha nos olhos
Só nos resta enlouquecer,
A delicia dos seus beijos
Nao há quem possa esquecer

Ela é a negra Damares
É a beleza de Iorubá,
Ela é a negra Damares
De Santiago de Cuba

Quem pensar que com dinheiro
Vai comprar seu coração,
Nada entende do amor,
Nem tanpoco de la passion,
Damares é de Santiago
E se chama revolução.

Ela é a negra Damares
É a beleza de Iorubá,
Ela é a negra Damares
De Santiago de Cuba


Autor(es): Ba Freyre

Las canciones más vistas de

Ba Freyre en Junio