Rubinho do Vale

No Meu Forró

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


No meu forró só não entra quem não quer
Basta só formar um par : um homem e uma mulher

Eu quero uma mineira bem ligeira bem maneira , dançadeira
Gostadeira de baião
Pra ser minha companheira a noite inteira ela vai ser a primeira
E derradeira do salão

Sanfoneiro puxa o fole toma um gole de água pra refrescar
E não para com esse forró
Que maravilha tem quentão e tem quadrilha
Nessa noite a gente brilha e a vida fica mió

É São João na cidade e no sertão tem festa e animação
Arrasta pé e alegria
E tem biscoito com café e tem canjica
Todo mundo brinca e fica pra ver o raiar do dia


Autor(es): Rubinho Do Vale

Canciones más vistas de

Rubinho do Vale en Septiembre