Carlos Careqa

No Caminho Oara Santiago

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Desejou que eu desaparecesse
Desejou que eu a deixasse em paz
No jejum desde o começo
Preferiu ficar a sós.

No último beijo que ela me deu
Expôs o nervo, estava lá
Meu anjo da guarda brigou com deus
Estavam querendo me acalmar - desejou.

No caminho para santiago
O prazer tava casado
Com uma espécie de sofrer
O meu corpo precisava ser velado
Dei tiro pra todo lado
Sem saber o que fazer
O amor esta moléstia que me resta
Se a vejo faço festa
Não quero me arrepender
Se provoca deixa ao menos uma fresta
Deixa meia porta aberta
No teu quarto de viver

Desejei que ela voltasse
Desejei parte por parte
Meia volta que envolvesse
O princípio, o meio e o fim

A primeira vez que ela falou
Molesta-me o teu amor
Saber a dor , saber dacor
Com quantos paus se faz um chateau
Desejou, desejou


Autor(es): Carlos Careqa

Canciones más vistas de

Carlos Careqa en Marzo