Teixeirinha

Nossa Árdua Carreira

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Nossa árdua carreira
--------------------------------------------------------------------------------



Mary é claro você lembra
Como eu me lembro também
Os tempos se vão além
Mas deixo prá eternidade
Gravado em nossa lembrança
De nos dois quase criança
Repontando a mocidade

Abril de sessenta e um
No começo da carreira
Você deixou a fronteira
Saímos brasil afora
Partiu dizendo qua ia
Levar comigo alegria
Com a sanfona sonora

Do rio grande prá são paulo
Da bahia ao ceará
Do paraíba ao pará
De minas prá mato grosso
Vestida de prenda ao luxo
E eu trajando de gaúcho
Lenço vermelho ao pescoço

Os empresários vendendo
Nossos shows por toda a parte
E nos dois levando a arte
De carro, trem, avião
Enfrentando a própria morte
Mas graças a deus por sorte
Restou a compensação

Hoje dois três nos criticam
Chamam nos dois de ricasso
Não sabem a dor o cançasso
Prá ganhar esse pé de meia
Vem ser nosso testemunho
Não mate a pulga com a unha
Não critiquem a vida alheia

A glória depois da guerra
A vitória é de quem vence
A quem perde não pertence
O sorriso da bravura
Lutas não percas a crença
Não haverá mais doença
Depois que o remédio cura

Mary ficou na lembrança
Os trabalhos que passamos
E o que foi que nos ganhamos
Prá comemorar agora
A fama de um povo nobre
O amor do rico e do pobre
Que os nossos versos adora

Somos autênticos no verso
Como a altitude da serra
Nós temos cheiro da terra
Deste brasil nacional
E sem querer botar banca
A mary ainda é mais potranca
E eu ainda mais bagual.
Fim.