Gaza

Nosso Enredo

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

A caneta não escreve,
Força no punho
Mais o cérebro não falha
Nem no rascunho
Eu to tranqüilo, isso é que te choca
Se fosse em Nova York tu gritava motherfucker
E na viagem sigo com os super heróis
Daqueles que abrem o olho qualquer parede destrói
Um carinha sinistro que luta sempre contra com crime
Sou primo do Robocop talvez irmão do Wolverine
Não ache playboyzinho que eu to de nhem, nhem, nhem!
Eu sou do Marvel Comics ou alguns do X-Mens
Se liga mano perturbado essa é minha façanha
Da minha boca a rima e do braço teia de aranha
Como o homem que gruda no teto
Pra sair do tédio
Do alto da cidade esse é o melhor é sério
Sou como superman de aço, mas bebo birita
Adoro uma sinuca e mastigo Kriptonita

Segundo Round!!!
Me refiro aos super heróis não estou brincando
Podemos não voar mais somos super-humanos
Não arrombamos um cofre com chute
Mas tentamos ou conseguimos manter nossa saúde
Sem resistência de chave de fenda
Mas conseguimos no final pegar o que sustenta
Não há visão de raios-X nem audição estupenda
Mas cansado do seu trampo o filho é recompensa
Sua mulher não vai a guerrilha
Louça de lado mulher maravilha
Não sou mais rápido que uma bala de fau
Mas te levo muito fácil ao espaço sideral

Refrão

Se você puder então venha me buscar
Sou santo milagreiro amigo e não posso falhar
O meu troféu depende do nosso enredo