Rolando Boldrin

Novo Amanhecer

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu jogo estrelas em cada noite escura
E na garganta ponho sempre uma canção
Nas auroras do meu peito há só ternura
A cada riso de um amigo eu dou a mão
Entre as pedras do caminho eu planto flores
E faço luz se se faz escurecer
Sonho bonança, vivo esperança
O sol se abrindo para um novo amanhecer

O amor há de brotar, há de vingar e florescer
A paz há de reinar, há de espalhar o bem-querer
O mundo mudará, nós temos que convir
É só viver pro amanhã que há de vir

(Declamado)
"Em nome do pai de todos os povos, Maíra de tudo, excelso Tupã.
Em nome do filho que a todos os homens nos faz ser irmãos
No sangue mesclado com todos os sangues
Em nome da aliança da libertação
Em nome da luz de toda a cultura
Em nome do amor que está em todo o amor
Em nome da terra sem males, perdida no lucro, ganhada na dor
Em nome da morte vencida, em nome da vida, cantamos Senhor!"

O amor há de brotar, há de vingar e florescer
A paz há de reinar, há de espalhar o bem-querer
O mundo mudará, nós temos que convir
É só viver pro amanhã que há de vir

Canciones más vistas de