O Cabrito Berrou

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

O cabrito berrou sujando a bocado ficando esquisito
Eu nunca ouvi falar que o bom malandro segura cabrito
O cabrito berrou sujando a bocado ficando esquisito
Eu nunca ouvi falar que o bom malandro segura cabrito

Cabrito só berra na mão de otário porque ele não sabe levar
Na mão do malandro cabrito maneiro quando vê os homens fica devagar
Um otário metido a malandro comprou um cabrito por ser ferrujão
No primeiro passo foi logo arrojado levando sacode sem explicação
O malandro que é peça fina sentiu a sujeira e se adiantou
Deixando o mané num tremendo foguete vejam só o cacete que o quinta ganhou

Bebebebebebe
Na mão do malandro o cabrito não berra
Bebebebebebe
Só berra bonito na mão do mané

O cabrito berrou sujando a bocado ficando esquisito
Eu nunca ouvi falar que o bom malandro segura cabrito
O cabrito berrou sujando a bocado ficando esquisito
Eu nunca ouvi falar que o bom malandro segura cabrito

O cabrito ficou assustado estranhou o otário e por isso berrou
Deu um baita berro com a lingua de fora, chamando atenção e a dura parou
O otário foi logo augemado carregando o flagrante na mão
Levando um montão de bolacha para aprender a entrar no camburão
E quando chegou na delegacia o doutor delegado achou engraçado
De ver um otário metido a malandro, o cabrito pulando na mão amarrado

Bebebebebebe
Na mão do malandro o cabrito não berra
Bebebebebebe
Só berra bonito na mão do mané
Bebebebebebe
Na mão do malandro o cabrito não berra
Bebebebebebe
Só berra bonito na mão do mané
Bebebebebebe
Na mão do malandro o cabrito não berra

Las canciones más vistas de

Bezerra da Silva en Septiembre