Coyotes California

O Poder

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Vivendo sem saber o dia que virá
O que me vem na mente eu tenho que jogar no ar
Tentando não me preocupar
Do jeito que vem, pode voltar
Eu quero estar livre, eu quero estar bem
Pensando nisso eu quero ir mais além
Do que eu posso ver, mas sei que não é bem assim
Algumas coisas não dependem só de mim

Ser o escolhido sem merecer
Ganhar um beijo sem ter o por que
Dizer a ela que o futuro eu pude ver
Atravessar a ponte antes de ela ceder

Nem tão cedo nem tão tarde demais
A hora certa o relógio não mostra, o destino é quem faz
Agradeça ao passar pela porta e não olhe para trás.
Seja quem for

Sempre que posso eu tento aprender
Observando para absorver
O estilo é livre eu posso me despir
De um julgamento que me faz sorrir
Deixo tudo me influenciar
Pois tudo isso faz modificar
O que eu sei e, sobretudo o que eu não posso ver
E que ninguém nunca pôde obter

Virar um jogo perdido no final
Ler a notícia que aguardava no jornal
Saber que ela é real
Sair ileso de uma guerra mundial

Nem tão cedo nem tão tarde demais
A hora certa o relógio não mostra, o destino é quem faz
Agradeça ao passar pela porta e não olhe para trás.
Seja quem for


Autor(es): Cássio Murilo / Fabiano Rodrigues / Falcão Moreno / William Antonetti

Canciones más vistas de