Angelica Rizzi

O Rio

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Era um outro rio

(não era o rio de janeiro
Nem mar morto
Nem as margens
Do rio sena
Ou, o ganges em janeiro)
São as gotas
Que carregas no teu corpo
São as lágrimas que enfeitam o teu rosto)
É a tua saliva que escorre quando eu beijo teu pescoço)
É a tua paz quando estás comigo
É o teu olhar que procura o meu.)
Era um outro rio
(Você é meu lar.
É tudo que eu quero
É tudo que eu espero nesta vida
Das ruínas que eu carreguei
Da dor que eu senti
Das lágrimas que não chorei
Vem aqui comigo
Eu sou teu lar
Você meu rio
Vou te navegar)
Era um outro rio
(É um rio de amor
Que desagua em mim
Quando está comigo-meu amor.
Meu coração fica pequeno
Eu não sinto vontade de gritar
Meu ego se mistura a obsessiva idéia
De ser apenas ar;
Vem ficar comigo
Vem ficar em mim.
Você é o rio que mata a minha sede)
Era um outro rio
Era um outro rio entrando no meu mar
Era um outro rio bem dentro de você
Vou te devorar
Vem me inundar.
Era o mesmo céu
Era o mesmo mar
O mesmo luar...

Canciones más vistas de