Ná Ozzetti

Os Enfeites de Cunhã

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Me perguntou,
Quem te deu esse cocar coral?
Eu respondi,
Foi seu pena verde quem me deu
E, me falou:
Toda vez que o sol brilhar
Há de ser esse cocar
Cintilando em tua cabeça

Este cocar é uma coroa de amor real
Um chapéu suruí/karajá)
Quem o teceu foi a mão que segurou
O pincel que coloriu as nuanças da arara

Me perguntou,
Quem te deu esse batom grená?
Eu respondi,
A mamãe oxum foi quem me deu
E, me falou:
Isso é pra ti namorar
E melhor poder beijar
O rapaz que te apeteça

Esta batom é todo feito a base de jambu
Um sabor tucupi/tacacá
A sua cor vem do rubro d'urucum
Da roxura do açaí e dos beiços da iara

Me perguntou,
Quem te deu esse colar tribal?
Eu respondi,
Foi seu pena branca quem me deu;
E me falou
Que no fio deste colar
O sol vai se pendurar
Pra enfeitar minha beleza

Este colar é uma jóia de poder astral
Um cordão waiãpi/amapá
Quem o criou
Foi a mãe que concebeu
A hiléia tropical cujo nome é amazônia


Autor(es): Joãozinho Gomes / Ná Ozzetti