Os Porcos Lamenta

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Você já amou alguém que morreria por ela?
Alguém que é seu coração e você é a proteção dela
E por isso destruiria quem fizesse mal a ela
Mas o que acontece quando o carma é traiçoeiro
E tudo que você defende fica contra você?
Quando você vira fonte de dor?
Quando olho estou na frente do espelho
Algo me diz: Que tenho mais de uma chance de acertar
É hoje, quando saio do quarto ele vira um palco
Muitas pessoas estão de pé, eu agradeço pela presença
Mas eles "gritam meu nome tão alto"
Que não consigo dormir, tomo outro remédio
Ouço aplausos, não aguento a pressão
E percebo que a cortina pode se fechar para mim!
Eu me viro acho um revólver grito
"Morra ben" o céu escurece revejo minha vida
O avião que eu deveria está cai
O alarme está tocando é primavera
Mas sempre há escuridão antes do amanhecer
Uma simples conversa pode significar
Muito mais do que uma simples conversa
Às vezes não ligamos para coisas fáceis
E quando elas se vão notamos que a tínhamos
Eu achava que a vida tinha um plano traçado para mim
Até perceber que deveria planejá-lo
Essa é a resposta só lido com o que posso ver
Pois em nome de Deus muita gente morreu
Antes das armas havia espadas
E pessoas se matavam o que mudou?
Ainda se matam enquanto uma mãe pede socorro
Estou tentando cumprir meu destino
Na zona leste tudo é difícil, mantendo assim sobrevivo
Tenho algo a dizer: Não posso ficar nisso
Quem vem no sapato será bem-vindo
Ganhando aliado será reconhecido
Quem me conhece sabe sou destemido
No vale da sombra não fiquei ferido
Acredito em Deus por isso que prossigo
A vontade é serena o instinto é explosivo
Então, chega com respeito na minha quebrada
É assim que foi é assim que é
Tudo que o rap fez tudo que o rap faz, é a diferença
São 5: 00 da manhã subo o morro da figueira
De kawasaki ninja levantando poeira
Gambé manda parar, mas sou capoeira
Os vermes se desmancha castelo de areia
150 Km h Deus é minha estrela
Nos canto do mundão sou mais um na cena
Brilhando no asfalto que tal tá bom?
Recebo um recado oh só presta atenção
São 20: 00 da noite se liga jão
Levanta seus pano faz um esquema
Arruma seu jaco e uma morena
Não ouve não viu e desapareça
Meu rap se espalha os porcos lamenta
Bala na agulha e fé com certeza, sabotage

Morreu mas foi consequência, Jesus chorou por nós
Mas não se rendeu a besta
Perdoa se errei ou não marquei presença
Importante é nós aqui vivendo e vivão
Agradeço a Deus fui nessa negão
Rap é o som da paz que prega união
Mais uma estrela da constelação
Meu compromisso eu sei não é em vão
Então se liga jão, se liga jão
Sou a voz da favela esticada no chão
A guerra tá no gueto e quem sofre não tem pão
Então chega de conversa sem motivo sem razão
O sistema vira as costas
Mas ouve essa canção tesouro dos humildes
Que faz tremer o chão, porque tim tim dom rap é o som
Estando em são paulo pra mim tá sempre bom
Fita no opala 72 e paz no coração peão é necessário
Mas sou revolução mulher
E dinheiro o que te deixa bom?
O que vem vai odeio ostentação
Prefiro ser grande maior que um sonhador
Feito um gangster (rapper) difundindo amor
Valores e conceitos é sempre necessário
Respeito todo mundo pra ser respeitado
Rap sob a massa faz o que poder
Os bico embaça sei qual é que é, o que fazer
Quando o chão foge do seu pé
Quando o mundo acaba e o que resta é a fé?
Pai de família desempregado olhou para o mundo
E se sentiu rejeitado, perguntou para Deus
O que foi que fez, pediu pra ser feliz
Não pediu para sofrer, me diz: O que é pior
Eu quero saber, roubar para viver
Ou deixar a família morrer?
Mas sem bala de festim é bem pior pode crer
Na cena do clique não tem dublê
2 Segundos pra pensar decidir o que vai ser
Se a bomba explodir é bem pior pra você
Se ficar no chão vão pisar em você
A vida não é o que um dia pensei
Pra sair do inferno me superei
Quanto a favela faço parte também
E não tem pra ninguém muitos vão muitos vêm
Porque sou big ben porque sou big ben
Eu lembrei de coisas que queria esquecer
Em uma noite fria e triste perdi você
Disse pra mim saber escolher, porque na vida do crime
É matar ou morrer
Mas o tempo passou e sua ideia mudou
Adotou o ditado pelo ódio ou pelo amor
Seu pai desempregado já não tinha conselho
Sua mãe se culpava por não ter dinheiro
Quando saiu de casa só tinha 16
Não voltou atrás não viu o que fez
Tentei ajudar, mas não quis me escutar
Magoou a família e nada vai mudar
Se formou ladrão se sentiu superior
Foi longe de mais e ainda não voltou
No crime é assim muitos vão e não vem
Ganha respeito, mas vira refém
Então; pare pense bem veja bem
Se é isso que tu quer você tá fazendo o quê?
Seja você, sou mais você!
"Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez, eu sei"
Direi ao Senhor ele é o meu Deus o meu refúgio
A minha fortaleza, e nele confiarei
Porque ele te livrará do laço do passarinheiro
E da peste perniciosa. Salmos 91: 2


Autor(es): Mc Big Ben

Canciones más vistas de

Mc Big Ben en Enero