Periferia É Foda

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

É periferia "nois" tá,
Em Ortolandia "nois" mora,
Periferia é foooooda!

Daqui eu não sai, não troco por nada!
Um amante da quebrada, paixão declarada!
amizades verdadeiras e uma linda namorada,
Tem rap pra "caraio" uma longa madrugada,
Roberto, Pilha, que saudade que da!
Que Deus o tenha em um bom lugar, Salve salve mano
Osmar
O que trinca é uns tanga que eu nunca vi na vida,
Pagando por ae, que todo dia tá na vila,
Ai Ed, outro dia eu tava la no Mato Grosso, os cara
curti pra "caraio" o som "du cês" é muito louco.
Quando eu falei então que te conhecia, eu fiquei foi
muito louco era só "ceva" que decia,
Em todo lugar, tem também os pé de breki, aqui não é
diferente ainda fala que é do Rap.
Tem todos os CD's, todo dia nos ouvi, os bolcinhos
lotados de VIP da Glob,
Curti educadoura, escuta Jovem Pan, pede um CD fala
que é Fan,
Toma vergonha nesta cara rapá, tá queimando o filme,
"cê" dando pra trás.

É periferia "nois" tá,
Em Ortolandia "nois" mora,
Periferia é foooooda! (2x)

"estamos" aqui a vida inteira, nascido e crescido, de
ponta a ponta, varias quebradas, varios amigos.
Interiorzão "memo" é "nois" é ortolandia, HD cerebral
carregado varias lembraças,
Os parceiros que se foram, firmeza correria,
Estão "vivão" aqui na mente, "memória" "das" antiga.
Um salve que estão na prisão sofrendo, o sistema que
criaram infelizmente é deste jeito,
Mas "nois vai" guerriando contra ela aqui fora,
representa só cola jão passo da hora,
Que guerreiro tá escasso e "nois" precisa contrata,
pra chega de corpo e alma pra revoluciona,
Porque os jovens daqui ou de qualquer lugar, só qué
pia e muvuca, bebe, zua e chera,
Não em fazer um SENAI, vira pião, oreia seca que "male
mal" o dinheiro do pão!
Santa Rita minha quebrada, Henrique e Sacramento,
Catraca, Bumba, Clebão meus parceiros.
Idéia de periferia, enquerito face da morte, pra roba
do Faustão os pontos do IBOPE!

É periferia "nois" tá,
Em Ortolandia "nois" mora,
Periferia é foooooda!(2x)

Em Ortolandia eu moro e daquei posso falar, dos meus
parceiros dos meus truta que não deixa a desejar.
Sem dinheiro, esse bararo não compra nossa amizade,
que é conquistada com atitude, honra e humildade.
Entre rosas e espinhos tô aqui sobrevivi, aos venenos
que passei com fé em Deus eu resisti,
Percisti, nos momentos de crises e de dores, a
angustia que nos faz ter medo dos predadores,
Mas um elo da corrente, que não se entrega a guerra,
mais um combatente, que nem uma luz nas trevas.
Que corre pelo certo, sem nem olha pra trás, Porque no
meu coração o que reside é a paz.
H maior, que marco a minha vida chegado, de braços
abertos me recebeu vindo do centenario,
18 anos aqui sô feliz com a quebrada, Sumariazinha um
novo anglo eu tô em casa,
Dilson, Dener e Duda, um abraço, vamo correr pro
podium, que o tempo passa muito rapido,
Valeu Criu, Gordo, Elias, Everaldo, parceiros de
"mile" anos lado a lado,
Exemplos de quem sobreviveu a enxurrada, estruturas
que as drogas e o crime não abala,
Clandestino, Inquerito e os parceiros que da Hora,
Porque estamos ai, Ortolandia a gente mora,

É periferia "nois" tá,
Em Ortolandia "nois" mora,
Periferia é foooooda! (4x)

Las canciones más vistas de