Quem Diria

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Pensar que tu para mim eras tudo
E que hoje não é mais uma sombra se quer
Pensar que eu fui noutros tempos teu tudo
E que hoje não sou mais um farrapo qualquer

Não previ, nem ninguém poderia prever,
Que o amor que foi sonho assim terminasse
Em indiferença e descrença

Pensar que nós, que um do outro já fomos,
Hoje somos dois mortais que nem se olham mais

Não previ, nem ninguém poderia prever,
Que o amor que foi sonho assim terminasse
Em indiferença e descrença

Pensar que nós, que um do outro já fomos,
Hoje somos dois mortais que nem se olham mais


Autor(es): Alberto Ribeiro / Jose Maria de Abreu

Las canciones más vistas de

Elizeth Cardoso en Septiembre