Quanto Mais Se Tira Mais Aumenta

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Quanto mais a idade avança,
Muito mais se ama.

Deixados uma vez de lado,
Os arroubos da juventude,
E o pendor egoísta,
Da busca de prazeres para si,
Mais se pode aprender,
A arte de amar o próximo.

O amor requer serviço,
Satisfazer a outros,
Doar-se de todo,
Sem reservas,
Consumir-se nesta entrega,
De alma e coração,
Aos que tem amado.

Intrigante é este mistério:
Quanto mais se perde,
Mais se ganha.
Quanto mais se gasta,
Mais se cresce.

É o princípio invertido
Das leis da natureza.
Porque aqui desta fonte,
Quanto mais se tira,
Mais fica transbordante.

Assim diz a promessa:
Ao que tem amor, mais será dado,
Nada lhe será tirado.

É dando que se recebe.
Afirma o divino ditado.


Autor(es): Silvio Dutra

Las canciones más vistas de

O Evangelho da Cruz en Septiembre