Quarup

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Queria cruzar minha terra
Num cavalo Marajoara
Sertão, litoral, bráz de serra,
seguindo em galope de guerra
a trilha não se dará, ra

Sentir o Brasil, quem me dera,
em de grota de barro e Taquara
Trançando o sapê de Tapera
Deitando o meu sonho em Anguara
com sangue de tupinambara

Queria encontrar minha lira
para ver o que vai passara
Saci provocar Curipira,
Caiopara montar pombagira
namoro de boto com Iara

Queria, num dia de graça,
num claro, pedir lua clara.
Bebendo calina, cabaça.
Rever minha parte da raça
que vem da Cabloca Jussara

Queria encontrar minha lira
para ver o que vai passara
Saci provocar Curipira,
Caiopara montar pombagira
namoro de boto com Iara

Queria, num dia de graça,
num claro, pedir lua clara.
Bebendo calina, cabaça.
Rever minha parte da raça
que vem da Cabloca Jussara


Autor(es): Joyce