André Baptista

Razão Do Meu Viver

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Nosso fado já não volta
O céu chorou de revolta
Por não mais nos encontrar
A noite ao som da guitarra
Toada triste e bizarra
Canta e espera o teu chegar

Minha voz perdeu a cor
Doeu-me o corpo de amor
Neste nunca amanhecer
O luar brilhou sozinho
Acendeu outro caminho
Apagou o meu viver

Tu não podes entender
A razão deste meu querer
Deste mal que me faz bem
Não pertence a este mundo
Sentimento tão profundo
Ninguém sabe de onde vem

Se um dia ouvires meu fado
Tão dolente e já cansado
Porque te trago comigo
Já não canto pra te alcançar
Pois o triste não pode amar
Já só canto por castigo


Autor(es): Gonçalo Salgueiro / Jaime Santos

Canciones más vistas de

André Baptista en Octubre