Retórica

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Ás vezes eu me sinto sozinho de tarde
E fico a me perguntar como teria sido
Se tivéssemos tido filhos
Se tivéssemos morrido de Amor
Se tivéssemos fugido pra Holanda
Se tivéssemos montado uma banda
Pra ganhar alguns trocados e brindar o nosso Amor com coca cola
Mas no fundo eu acredito
Tudo foi como deveria ter sido
Pra que hoje estivéssemos aqui martelando o se
To preso, ancorei no passado
E é raro não dividir porta com a solidão
Meu chá da tarde diluído em sumiço
E o cigarro acabando comigo
Insisto no vago, te esperar
Naquela mesma esquina
Casa verde, tão nossa, tão antiga
Onde te adorar virou costume
E há de ser por estes cálculos que agora preferes mundo às minhas rimas
Mas no fundo eu peço e acredito
Que o nosso Amor seja vitalício infinito
Lhe prometo meu benzinho até o fim
Cantarei pra ti


Autor(es): Claudio Rizzih