R.I.M.A.

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Não existe padrão pro meu comportamento
Nem muita lógica nas coisas que penso
São discutíveis os meios pros meus fins
Sou inconsequente, é, eu sou assim

Meu cabelo não tá na moda. Não é "in" sair comigo
Não frequento altas rodas. Poucos ligam pro que eu digo

Não tem explicação, não tem explicação
Sou quase esquizofrênico e eu tô afim de rir, de Rima

Traços convulsivos minha personalidade
A crise em si minha identidade
Sou contraditório, tenhos segredos
Tenho medo da morte e minha mãe falou que quanto mais velho mais bobo eu sou

Não tenho nada, quase ninguém. Bebo demais e vomito no chão
Mas tá valendo tudo baby. Algo me diz pra ter convicção

Não tem explicação ...

Certa vez eu vi um fantasma
Eu tava demente, eu não sei exatamente o que aconteceu
Ele meu deu dois ou três conselhos depois desapareceu
Ele tava de camisa vermelha e passou pela parede

Às vezes canto bem, às vezes canto mal. Às vezes sinto-me idiota às vezes sou o tal
Se você ou seus amigos já viram fantasmas, não se preocupem, ninguém é tão normal

Não tem explicação ...

Quis escrever sobre o que não tivesse "a ver"
Quis falar sobre nada
Como não passo de um pouco mais que nada
Filosofarei sobre mim

Egocêntrico, ziriguidum. Afinal de contas sou só mais um
O tempo vai passando eu não me canso de asneira
Eu tenho raiva de ir embora
Eu quero a noite inteira

Não tem explicação ...