Setembro

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Vem setembro chegando
E trazendo consigo a primavera
Vem no peito a esperança
De ver a menina mais bela
A sereia na areia
A semente, acidente, acaso da vida
Me ganhou, me levou pra um lugar e uma flor me ofereceu

O meu coração que já se acostumava com a dor
Foi a Lua cheia e as dunas de areia o cenário de amor
Morena de trança, metade criança, metade senhora
Morrendo de amor, me fez Havengar e foi embora (2X)


Autor(es): Brunno Havengar