Sina de Peão

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Já nasci enforquilhado
No lombo chucro da vida
Imponência em mim acampa
Pra dominar esse pampa
Os costumes e a lida,
Andar trajado a rigor
Faz parte da minha sina
Uso embaixo desse céu
Bota, bombacha e chapéu
E um pala de lei por cima.

Por ter a sina de peão
Escuto onde quer que ande
Gritando em meu coração
As tradições do rio grande.

Com a faca bem afiada
Vou fazendo a castração
Não tem bezerro valente
Quando meto o ferro quente
Nos dias de marcação,
Nas campereadas da vida
Já conquistei meu espaço
Na luta dentro da arena
Não preciso das chilenas
Pois derrubo o boi no braço.

Por ter a sina de peão...

Nos rodeios aonde vou
Conheço bem o que faço
É próprio da minha estampa
Acertar nas duas guampas
A armada do meu laço,
No potro salto pra cima
Pra descer não tenho hora
Pra que montem de buçal
Faço render-se ao bocal
E a roseta das esporas.

Por ter a sina de peão...

Canciones más vistas de