Silvio Brito

Somos Todos Um

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Água pura que brota lá da fonte
É a mesma chuva que cai por sobre a terra
Então porque tantas guerras
Fome, ganância e miséria

Se o sol aquece os dois lados da montanha
E a tudo sempre com sua luz intensa
Independente de raças
Ideologias ou crenças

Se somos todos um
Se somos um por todos
Se somos todos filhos de um mesmo pai
Então porque não há paz

O ar que agora envolve o mundo inteiro
É o mesmo ar que corre no teu peito
Então pra que preconceitos
Todo esse apego ao dinheiro

O chão que acolhe todas as sementes
É o mesmo chão onde se enterra tanta gente
Então pra que vaidade
Porque tamanha maldade

Somos todos passageiros
De um barco a navegar
Na corrente de um rio
Que nos leva ao mar

Companheiros de viagem
Todos vindos de um mesmo cais
De passagem pela vida ao pai


Autor(es): Silvio Brito

Canciones más vistas de

Silvio Brito en Noviembre