Wander Almeida

Talismã

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Quando toca o telefone
Digo alo e é você
Um calafrio me percorre,eu não sei dizer porque
Estou carente tão sozinho
Porque não vem aqui me ver
Você não sai da minha mente, o que é que eu faço
Pra esquecer

Sera que o feitiço que você tem
A vida reservo pra mim
Eu já fiz de tudo, mas não sei porque
Eu gosto de viver assim

O cheiro bom do teu perfume, no meu lençol
Vai ficar sendo meu talismã
No hoje,no amanhã e sempre

O cheiro bom do teu perfume, no meu lençol
Vai ficar sendo meu talismã
No hoje, no amanhã e sempre
Pra sempre


Autor(es): Condó / Deda Santos

Canciones más vistas de

Wander Almeida en Septiembre