Tornado

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Igual ao um tornado,
Ela passou na minha vida,
Durou apenas uma noite,
E me deixou assim,
Eu to descontrolado, ta tudo bagunçado,
Aquele perfume me alucina,
Ela não quis me dizer o seu nome,
E nem o seu telefone,
Ficaram apenas vestígios que ela passou aqui,
Marcas de batom na minha camisa,
A casa ta toda bagunçada,
E cerveja pra todo lado,
O som ainda ta ligado, no último volume,
O que será que os vizinhos vão pensar de mim,
Ainda sinto o gosto do beijo dela,
Eu posso dizer que aquela mulher,
Sabe fazer um homem feliz.


Autor(es): Rodrigo Magalhães

Canciones más vistas de

Erveleste en Octubre