Leôncio e Leonel

Tragédia em Goiás

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Vou contar uma triste história só a data eu não me lembro
Isso se deu em Goiás, numa tarde de Dezembro
Quando eu soube da notícia meu corpo ficou tremendo
Foi um causo comentado que tudo ficou sabendo
Um casal tinha três filhos ai
Seis anos tinha o mais velho, dois meses tinha o mais pequeno

A mulher levantou cedo pro marido ela pediu
Precisa matar um porco ele então se preveniu
Sangrou o porco no chiqueiro e com palha ele cobriu
E depois de sapecado em duas partes ele abriu
Levou o porco pra dentro
Pra adiantar pegou o almoço e pra roça ele partiu

O menino inocente, o maiorzinho dos três
Pegou seu irmão do meio com dois anos e alguns mês
Com a faca que matou o porco fincou duas ou três vezes
E depois cobriu com palha do jeitinho que o pai fez
Com a mãozinha ensanguentada
Agora eu vou sapecar o porquinho que eu matei

A mãe tava dando banho no filho recém nascido
Quando viu essa tragédia coitada perdeu o sentido
Deu tamanha vassourada que deixou o filho estendido
Foi correndo como louca chamar o marido
Quando os dois chegaram em casa
O filho que tava na água afogou e tinha morrido

Nesse quadro doloroso já com a força enfraquecida
Vendo os três filhos mortos resolveram tirar a vida
E pegaram os três filhos pra fazer a despedida
E o casal se abraçaram e tomaram fornecida
Terminou a família inteira
Só ficou a história e jamais será esquecida


Autor(es): Carrerinho / Teddy Vieira

Canciones más vistas de