Trem do Forró

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

É melhor voce parar de vez com isso
Eu não respondo nem por mim, nem por ninguém
É pior do que causar um rebuliço
Eu não respondo nem por mim nem por ninguém
Sou passageiro na boléia desse trem
Esse trem donde vem, esse trem donde vai
Esse trem donde vai, esse trem donde vem
Nem vem nem vai, nem vai nem vem
Querem puxar meu tapete
Quem não canta gabinete não é cantor pra ninguém

Vou amocegar no vagão desse trem

Pra imbolar comigo tem que ter cuidado
É perigoso eu laçar você também
Se não tiver um freio bom ninguém segura
É perigoso eu laçar voce também
Sou passageiro na boléia desse trem
Esse trem donde vem, esse trem donde vai
Esse trem donde vai, esse trem donde vem
Nem vem nem vai, nem vai nem vem
Hoje eu dou de cacete
Quem não canta gabinete não é cantor pra ninguém

Vou amocegar no vagão desse trem

Pelo jeito que eu to vendo vai ser bom
É pau no couro que eu já querendo bem
Cada vez eu quero mais e acho é pouco
É pau no couro que já to querendo bem
Sou passageiro na boléia desse trem
Esse trem donde vem, esse trem donde vai
Esse trem donde vai, esse trem donde vem
Nem vem nem vai, nem vai nem vem
Vou na lua sem foguete
Quem não canta gabinete não cantor pra ninguém


Autor(es): Beto Brito / Pedro Tavares

Las canciones más vistas de

Beto Brito en Agosto