Ellens

Volto amanhã

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Garçom, traga mais uma taça
Já são cinco da manhã
E a vida 'tá' sem graça

Garçom, sei que o meu papo 'tá' chato
Acreditei numa paixão
Que não passou de boato

Um dia eu fui ser amante amiga
Dei amor à moda antiga
E em troca tive nada

Eu já não me importo
De bater papo com a lua
De amanhecer na rua
Até alta madrugada

Desculpe pelo batom no copo
E a cinza de cigarro no forro
Se a lágrima invade meus olhos pedindo socorro

Tirei o meu sapato apertado
Soltei até o meu sutiã
Amigo, pendure a conte
Que eu volto amanhã


Autor(es): ELLENS