Vaza Canhão

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu conheci uma menina na Internet
E ela me disse que é um verdadeiro avião
Eu marquei um encontro com ela na avenida sete
E quando eu vi a menina pirei o cabeção

Ela tem cara de jaca
Nariz de chulapa
Estria nas pernas
Bunda de catraca
Perna de alicate
Cabelo de asolã

Ela é caolha
Tem unha encravada
Boca de desdentada
Barriga atolada
Tirando a camisa o peito batia no chão

Ela é corcunda,
Desengonçada
Cintura de ovo
Com a cara manchada
E quando ela fala o bafo é de leão

Tem um caroço nas costa
Com a voz grossa
A cara torta
Minha resposta na hora
Foi cantar esse refrão
E o refrão é assim
Vaza canhão, Vaza canhão, Vaza canhão, Vaza canhão ...

E ela tinha um testão
Tinha um zoião
Não era mulher
Era uma assombração
E ela tinha uma papada
Parecia um urubu
Tinha uma impigem na cara

Vaza canhão Vaza canhão Vaza canhão Vaza canhão ...


Autor(es): Robyson

Canciones más vistas de