Eliana

Melô Do Orangotango

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


A bicharada andava triste pelos cantos
Ninguém dançava, nem brincava com ninguém
Os passarinhos não cantavam, o papagaio não falava
E a hiena não sorria pra ninguém
Só davam grilos entre cobras e largatos
Deu meia-noite e a coruja bocejava sem parar
Mas derrepente a macacada entrou gritando
A onda agora é a melô do Orangotango
Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
Que chegou pra ficar (bis)
O que aconteceu na festa eu nem sei
No meio do salão, ninguém é de ninguém
Só sei que tudo começou com o jacaré
Dançando com o leão vestido de mulher
O galo chamou a raposa pra dançar
O porco se amarrou no cheiro da gambá
E o canguru que veio do estrangeiro
pegou a lagartixa no banheiro
Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
Que chegou pra ficar (bis)
Derrepente começou a confusão
O galo que é de briga deu uma de machão
falaram que a galinha e o veado
Estavam namorando no telhado
Mas nessa hora apareceu o gavião
Falando para quem estava dentro do salão
"Deixa disso, corta essa, que hoje é dia
da melô do Orango tango"
Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
É a melô do Orangotango tango tango tango
Que chegou pra ficar (bis)