Absinto

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Uma luta um caminho pro céu
Tornou o mundo desafiador
Absinto decadente cruel
Fora aclamado agora senhor

Magia a beira do abismo
Solução dos laços ao egoísmo
Lutar contra essa guerra é exaustivo
Cedendo poder ao inimigo
Por que te chamam Deus, destrua os erros meus

Me julgue mal em seu juízo final
Essas sombras que nos levam a morte
Caminham com a luz exuberante
Se estamos lançados pra sorte
A vida então é o inferno de dante

A noite é cinza negra e bela
Sobre os ventos que apagam as velas
E nós nos deparamos com este drama
Outros banem um simples pentagrama

O mal se torna o bem, dependendo pra quem
É suicídio não manter um equilíbrio


Autor(es): João Carlos

Canciones más vistas de

João Carlos Oficial en Septiembre