Aboio De Gratidão

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

A vida mandou que a vida fosse assim vivida
com remanso à lida e na ferida o pó
Que a boca trocando esse aboio que não é lamúria
que não é de morte é uma forma de oração
com respeito e gratidão, com respeito e gratidão

Meu pai teve 3 "menino" e a todos não faltou
disse a vô Belarmino quero eles tudo doutor
por querencia do destino eu dei de ser cantador

O que aponto primeiro cedo já se diplomou
o segundo vem saindo mestre no computador
e eu nasci nessa embolada nunca tive professor

mãezinha desculpe o mal jeito
vou tentando ser direito
eita mundo mais estreito
que aperta conforme a dor
que aperta quanto maior a dor
(quanto maior a dor)

Pra não dizer que parece que o meu ... sabe tudo
só Deus tem poder de veto se o meu canto é absurdo
se é pra dizer baboseira eu prefiro ficar mudo

O que se aprende na escola tem relevância vital
mas entendo que respeito é pedra fundamental
onde acaba o meu limite começa o do outro afinal

mãezinha desculpe o mal jeito...

todo homem paga um preço quando abraça a profissão
se tem arrependimento que ouça pela razão
trabalho é conscentimento que se tem no coração

Deus perdoe meus pecados porque eu não nasci pra santo
quando grita a consciencia é a custa de muito pranto
valei-me Nossa Senhora que me cubra com seu manto

mãezinha desculpe o mal jeito...

Mas Deus não quis que a vida fosse incluida
ser favorecida pra nenhum irmão
eu vou pedir pra minha estrada ficar na memoria
e corpo coração
que puder parar pra ouvir
que tiver olhos de ver, que tiver olhos de ver.


Autor(es): Zé Alexandre

Las canciones más vistas de

Zé Alexandre en Noviembre