Ainda Te Espero Voltar

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

O dia termina e recomeça
E as horas passam devagar
E eu ainda te espero voltar

O sol ilumina
Os ventos movimentam as águas do mar
E eu ainda te espero voltar

A liberdade é a prisão
Quando se está só
Não tem luz na escuridão
O que fazer de mim sem ti?

Componho letras
Solo a guitarra
As cordas parecem chorar
E eu ainda te espero voltar

Planto orquídeas no canteiro
Pinto a sala de jantar
E eu ainda te espero voltar

A liberdade é a prisão
Quando se está só
Não tem luz na escuridão
O que fazer de mim sem ti?

Vago tarde pelas ruas
Á te procurar
Eu só queria te encontrar

Esmiúço objetos, fotos, cartas
Pra te visitar
Eu só queria te encontrar

A liberdade é a prisão
Quando se está só
Não tem luz na escuridão
O que fazer de mim sem ti?

Resvalo em memórias
Póstumas e prévias
Chego quase a te tocar
Mas só toco o ar

Respiro lentamente
Profundamente o ar
Sinto teu cheiro em mim entrar
Mas não posso te tocar

A liberdade é a prisão
Quando se está só
Não tem luz na escuridão
O que fazer de mim sem ti?
Me diz...

Canciones más vistas de

Franklin Mano en Enero