Arco-íris

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Fadas e gnomos
Todos os duendes de todas as matas
Todas as pedreiras, os fios d’água, cachoeiras
E as outras cores do íris
São segredo nosso
Quisera falar das coisas que não posso
Doce paz do lar, a brisa
A brisa de vento
E o vento de ventania
Essa magia
Essa força que comanda cada elemento
E a poesia
De se recriar e de escolher o momento
De ser uma rosa
E de ser o elfo que mora na rosa
Ter um brilho intenso como o sol
E como o outro
No final do arco-íris
“Na cabeça do tempo eu plantei um Ipê amarelo”


Autor(es): Fátima Guedes

Las canciones más vistas de

Dércio Marques en Septiembre