Elipê

Areias

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Vem o entardecer brincando com minha paz
Posso sentir o vento beijando meu pescoço nu
Fecho os olhos, vejo além de mim

Vem o mar me beijar, e o sol não quer se pôr
Vejo seu rosto traçado em núvens de algodão
Eu aqui, você no céu sem mim

Quem vai lembrar?
Que um dia houve amor sem fim
Quem vai chorar?
Se ficamos bem melhor assim

Sei que a saudade me faz voar até suas mãos
Mas decidi buscar caminhos noutra direção
Outros fatos, as mesmas opiniões

Queimar o dom
De amar demais, cego e tão voraz
Deixar o som
Me levitar pra onde o mundo dorme em paz

Querer ficar
Onde você já não pode ir
Caminho só
Sem você a emparear pegadas comigo

Vem o mar me beijar, e o sol não quer se pôr
Vejo seu rosto traçado em núvens de algodão
Eu aqui, você no céu sem mim
Fecho os olhos vejo além de mim
Acredite, não tentei fugir


Autor(es): Lais Souza / Mateus Lopes