Dori Caymmi

Armadilhas de um romance

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Dos meus amores justamente o que eu mais quis
Foi esse o causador da minha cicatriz
Ele me travou fundo na raiz
Só não secou a minha alma por um triz
Mas por ter o coração perdido a diretriz
Nunca mais eu fui feliz
Pra não amar errado assim como eu já fiz
No amor eu volto a ser de novo aprendiz
Tenho que escutar o que a vida diz
Que as armadilhas de um romance são sutis
Mas o que eu mais quero mesmo é não ser infeliz
Muito mais que ser feliz
Não posso outra vez perder o tempo que perdi
Assim chorando
A minha alegria é falsa como a de uma atriz
Riso de ilusão, lábio de verniz
Não posso outra vez sofrer a mágoa que sofri
Me apaixonando
Se o amor é justo e se o destino é meu juiz
Hei de um dia ser feliz
A não amar errado assim como eu já fiz
No amor eu volto a ser de novo aprendiz
Tenho que escutar o que a vida diz
Que as armadilhas de um romance são sutis
Mas o que eu mais quero mesmo é não ser infeliz
Muito mais que ser feliz
Não posso outra vez perder o tempo que perdi
Assim chorando
A minha alegria é falsa como a de uma atriz
Riso de ilusão, lábio de verniz
Não posso outra vez sofrer a mágoa que sofri
Me apaixonando
Se o amor é justo e se o destino é meu juiz
Hei de um dia ser feliz


Autor(es): Dori Caymmi / Paulo César Pinheiro