Adeildo Vieira

Artista Popular

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Levo vida de trabalhador
Lavo o mundo com o meu suor
É tanta gente,tanto por fazer
Que quase nunca eu me sinto só

Na segunda-feira é festa
Terça-feira tem seresta
Quarta-feira mexo a massa
Porque faço show na praça
Quinta e sexta animo a prece
Canto e danço na quermesse
Sábado e domingo eu pinto o sete
Vivo só pra trabalhar
Porque sou um artista popular

Levo vida de trabalhador
Meu coração tem calo que dá dó
A vida amarra os pés e as mãos do amor
Meu ofício é desatar o nó

Canto pro coração frio
Toco no coração duro
Pra alegrar dias sombrios
Pra derrubar os muros
Pra fazer dança de roda
Encontrar a paz perdida
Pra botar rumo na vida
Carrego o fardo e faço bis
Porque no meu trabalho eu sou feliz


Autor(es): Adeildo Vieira

Canciones más vistas de

Adeildo Vieira en Octubre