Assim É Que Eu Fui Criado

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu não quero nem lembrar
Dos meus tempos de criança
Quando passei maus pedaços
E o destino fez lambança
Logo aos seis anos de idade
Sem pai o mundo me alcança,
Dos tios que me criaram
Muitos anos já passaram
Mas permanece a lembrança.

Com primeiro que eu morei
O trabalho foi pesado
Era um homem violento
Cansei de ser espancado
Tinha que buscar as vacas
Cruzando campo e banhado,
Cedinho na madrugada
Pés descalços na geada
Assim é que eu fui criado.

No segundo tio que fui
Morar foi bem diferente
Ele nunca me bateu
Eu descansei felizmente
Tudo aquilo em minha vida
Recebi como um presemte,
Foi tio de bom coração
Soube dar-me educação
E me tratou como gente

Todos dois já faleceram
Na vida isso acontece
Tem gente que ainda vive
E minha história conhece
Que deus dê a cada um
Somente o que merece,
Não guardo ressentimento
Às vezes em pensamento
Aos dois eu faço uma prece.

Canciones más vistas de