Companhia Itinerante

Beira-mar

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Mas desse mato só sai cachorro
E a polícia chamando bandido de "meu louro"
Bangu um, é Bangu dois, é Bangu três
Qual será o presídio da vez?

Que rebela, explode, explora
A favela implode, e o povo implora
Uma mão lava a outra e assim por diante...
O satélite comanda do espaço o flagrante:

"Deixa dois pra mim. Leva dez pra você
Que amanhã eu vou chegar e vou mostrar na tv,
Que a polícia continua cumprindo o seu dever
E o povo tá com medo e eu não sei porque?"

Então, se já está tudo bem lá fora
O Rio é a maravilha, não se apavora
Então, vou levar os meus filhos pra escola
Fechar os vidros pra alguém que ta cheirando cola

Litoral é beira mar
Beira mar é litoral
A gente aqui no Rio
Só espera o carnaval passar
A Mangueira desfilar pra gente sambar
Soltando tiro de escopeta pro ar

É nesse ritmo que todo mundo vai dançar
Até a bala voltar
Mas ela não é perdida
Já tem rota certa
E acerta
(Um inocente que esqueceu sua janela aberta)
Mas ninguém liga não
"A gente vai dizer que era dedo de seta"

E então...


Autor(es): Caio Figueiredo

Canciones más vistas de