Besouro Mangangá

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Morreu, ele morreu de dor.
Foi na bahia terra de luta e de amor
Morreu, ele morreu de dor.
Era besouro sempre valente não chorou
Morreu, ele morreu de dor.
Foi na bahia terra de luta e de amor
Morreu, ele morreu de dor.
Era besouro sempre valente não chorou
Mas disse o que tinha
Dizer
Que querer é poder
É luta
Querer que tinha por que
Morrer
Que querer tinha por que
Matar
Mas foi o maior
Lutador
Na roda do bem
Cambará
Mas quis o que tinha
Querer
Que querer é perder ou ganhar
Querer que o mundo pare
Pra ver
Deus queria e não pôde parar
Pois isso não dá não senhor
O mal continua a rodar
Homem de valor
Quiriquiqui morreu por tentar
Ai
Morreu, ele morreu de dor.
Foi na bahia terra de luta e de amor
Morreu, ele morreu de dor.
Era besouro sempre valente não chorou
E ele morreu
Morreu, ele morreu de dor.
Foi na bahia terra de luta e de amor
Morreu, ele morreu de dor.
Era besouro sempre valente não chorou
Mas disse o que tinha
Dizer
Que querer é poder
É luta
Querer que tinha por que
Morrer
Que querer tinha por que
Matar
Mas foi o maior
Lutador
Na roda do bem
Cambará
Mas quis o que tinha
Querer
Que querer é perder ou ganhar
Querer que o mundo pare
Pra ver
Deus queria e não pôde parar
Pois isso não dá não senhor
O mal continua a rodar
Homem de valor
Quiriquiqui morreu por tentar
Ai
Morreu, ele morreu de dor.
Foi na bahia terra de luta e de amor
Morreu, ele morreu de dor.
Era besouro sempre valente não chorou


Autor(es): Paulo César Pinheiro

Canciones más vistas de

Baden Powell en Enero