Mind Da Gap

Bombardeamento De Rimas

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Qé q foi catraio não passas de um lacaio basta um assobio
És posto fora do território onde sou senhorio
Nem m' olhes de soslaio qualquer coisa q digas contrario
Escolhas eu desvio, faças eu previ-o
Nem precisas de pagar renda, atiro-te palavras à cara
Na mesma insistes em manter a venda
Cego prego enterrado no subsolo, aconselho-te uma acendalha
Calha bem faço-te ver a luz preparo-te para o ritual
A saliva mantém a lingua lubrificada e não é sexual,
São só raps q sabem tão bem,
Caminham sobre água, milagre, um dom q quase ninguem tem
Julgavas ter q queimar uma vela e conseguir
Uma mortalha cheia de ganza nela para fluir
Mandar uma cuspidela logo a seguir
Babar o microfone com uma rima, oh moço eu tou-me a rir
Santa paciencia, tanta prepotencia, aviso prudencia
Na experiencia saciei essa fome enquanto criei uma arte uma ciencia
Conjugo formas de interpretação com a devida consciencia
Nesta necessidade de fotossintetizar o ar do pulmão
Em sons q levantarão pesos do coração
Ouve o meu ser é uma linha de produção
Bombeio combustivel atesto o recheio até um craneo são

Refrão:
Bombardeamentos de rimas q nem me fazem comichão
Reclamas titulos, quantos com convicção
Representas titulos quantos com convicção em oposição
Sou uma linha de produção

Que é que foi chavalo, não sabes que eu não papo grupos?
A não ser que sejam bandos de mc's armados aos cucos
Armados em espertos, quando não passam de vagos projectos
De saldos de fetos, comprados com defeito nas Retos
Defeco nos mecos, como adeptos de escatologia
Porque a vossa verborreia é mais diarreia ou pornografia
Vosso modus operandi é mais o da cenografia
Mas vivem na película na qual dirijo a fotografia
São protagonistas quando eu sou o vilão que contracena
Sem mim, não há conceito, não há enredo, não há tema
Não há problema afinal, feitos os cálculos
É publicidade grátis que rende mais uns espectáculos
Mais público na expectativa
Mais motivos para que sintam atentados à auto estima
Mais motivos para que se sintam tentados a fazer mira e
Segregar mentiras para desviar a íris de quem a paz aspira
Nossa família é constituída por milhares, o que é que não percebes
Em: se insultares, evitas vender exemplares?
Tanta vaidade em pedaços de nada, zeros à esquerda
Zeros à espera que seus versos não lhes saibam a merda
Mudem de tema ou terão problemas sumários
Saco a reforma num processo por actos difamatórios
Vários velhos do Restelo, que são só fedelhos sem estilo, juro
Criticam o que temos porque no fundo, queriam tê-lo!

Refrão:
Bombardeamentos de rimas q nem me fazem comichão
Reclamas titulos, quantos com convicção
Representas titulos quantos com convicção em oposição
Sou uma linha de produção

Bridge:
Ainda não entendeste que assim não vais a lado algum?
Não percebeste que a inveja não te faz bem nenhum?
A história fez famosos daqueles que eram grandes
Mas não fez grandes daqueles que se achavam importantes


Autor(es): Mind Da Gap

Canciones más vistas de

Mind Da Gap en Octubre