Canção do amor ausente

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Ó mulher,
Tu que criaste o amor!
Aqui estou eu tão só
Na imensa treva
Da tua ausência.
Mulher canção!
Noturna flor do adeus
Vem me matar de amor,
De amor nos braços teus.

É tanto meu amor, tanto por ti
Que não há dor maior do que eu vivi,
A dor desta separação
Ouvindo o próprio coração
Bater cada minuto em vão
A tua ausência.

Ai, quem me dera dar-me toda a ti
Ai, quem me dera o tempo que perdi
Ai, quem me dera ser o ar
Que ao menos roça os lábios teus
E te beijar mais um adeus.


Autor(es): Baden Powell / Vinícius de Moraes

Las canciones más vistas de

Elizeth Cardoso en Septiembre