Calendário da Mara

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu sou louca por janeiro
Do sabor do sol, do sal
Mas se chega fevereiro
Não resisto ao carnaval
Eu adoro águas de março
Pra fechar o meu verão
E deixar toda saudade
Queimar feito brasa no meu coração

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Eu sou louca por abril
Descoberta do meu Brasil
E por maio, mês de mãe,
Mais amor nunca existiu
Junho é final de outono
Pra viver de São João
E deixar toda saudade
Queimar na fogueira e do meu coração

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Como eu amo o mês de julho
Mês das férias de inverno
E o xamego de agosto
Que é dos pais amor eterno
Mas as flores de setembro
Que anunciam a primavera
Brotam dentro do meu peito
Feito amor-perfeito, feito amor à vera

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Nada como o mês de outubro
Pra quem sabe ser criança
E novembro, fim das aulas,
É começo da festança
Finalmente, se é dezembro,
Vem a festa do Natal
Pra mostrar pra todo mundo
Que o amor é o início, é o meio e o final

Quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação



Eu sou louca por janeiro
Do sabor do sol, do sal
Mas se chega fevereiro
Não resisto ao carnaval
Eu adoro águas de março
Pra fechar o meu verão
E deixar toda saudade
Queimar feito brasa no meu coração

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Eu sou louca por abril
Descoberta do meu Brasil
E por maio, mês de mãe,
Mais amor nunca existiu
Junho é final de outono
Pra viver de São João
E deixar toda saudade
Queimar na fogueira e do meu coração

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Como eu amo o mês de julho
Mês das férias de inverno
E o xamego de agosto
Que é dos pais amor eterno
Mas as flores de setembro
Que anunciam a primavera
Brotam dentro do meu peito
Feito amor-perfeito, feito amor à vera

E quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Nada como o mês de outubro
Pra quem sabe ser criança
E novembro, fim das aulas,
É começo da festança
Finalmente, se é dezembro,
Vem a festa do Natal
Pra mostrar pra todo mundo
Que o amor é o início, é o meio e o final

Quem plantar felicidade
Em qualquer estação
Vai colher felicidade
Em qualquer estação

Tem que plantar felicidade
Em qualquer estação
E vai colher felicidade
Em qualquer estação

A felicidade
No coração
A felicidade
Em qualquer estação...

Las canciones más vistas de

Mara Maravilha en Octubre