Céu da boca

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

O Fim dos tempos está chegando, meu irmão;
Se tu quiseres ver Davi, Abraão, Moisés,
Olha pro céu, vigia sempre em oração,
Toma cuidado com o crente que tu és.

Tem crente escoteiro que só vai em acampamento,
Crente Kodak, vive de revelação,
Crente foguete, a mente está no firmamento,
Mas se esquece de botar os pés no chão.

Meu irmão, vigia, não durma de touca,
Crente desse jeito não vai nem pro céu da boca.

Crente rocambole vive sempre enrolado,
Crente Zagalo, os outros têm que engolir
Carrinho de mão, só vai pra igreja empurrado,
Crente urso, no inverno, fica em casa pra dormir.

Meu irmão, vigia, se sua fé é pouca,
Crente desse jeito não vai nem pro céu da boca.


Autor(es): Silvestre Kuhlmann

Las canciones más vistas de