Caminho

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Hoje eu já não sei do meu caminho
Eu não sei o que eu quero
Hoje eu sei que desespero quando estou sozinho
Sei que a força nada tem a ver com a rigidez
Malhabilidade, agilidade, talvez
Hoje eu sei o que espero e sei que estou sozinho
Que caminho a gente faz trilhando passo a passo
Nessa fria paralela dura como aço
Tudo se fala de novo nessa terra morta
Tudo se fala de novo nessa terra morta

Chão seguro, grama seca e o mundo inteiro
Pra se andar de ponta a ponta sem perder caminho
Hoje em dia nesse mundo nada está sozinho
Nem existem mais as portas que fechem passagem
Não existe mais o cisco que atrapalha a beleza
Nem mais teias de aranha no canto do quarto
Nem lugar praquela antiga falta de certeza
Nem lugar na prateleira pra botar mais disco
Não existe mais você dentro da brincadeira
Tudo existe ao mesmo tempo sempre o tempo todo
Hoje a teia ocupa a nossa casa inteira
Hoje em dia nesse mundo nada está sozinho
Tudo se fala de novo nessa terra morta
Tudo se fala de novo nessa terra morta

Las canciones más vistas de

Daniel Gonzaga en Octubre