Camisa Verde e Branco - Samba-Enredo 2001

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

[Enredo: Sertanista e Indigenista Sim, Mas Por Que Não?]

Bela Ásia Mongólica querida
Os índios fizeram a partida
E se espalharam nas Américas
Ao Brasil chegaram e se abrigaram
Na linda Amazônia

Nesse balanço me leva que eu vou, eu vou
O índio tem mil anos ou mais? Muito mais
A sua origem tem comprovação ah! Nação
Olha pro índio ele é especial não faz mal

Europa em busca do tal Eldorado
Por ela nunca foi achado Villas Bôas descobriu
Tesouro tem proteção ao Parque Nacional
Nosso Xingu é mais que ouro
A fauna e aflora são riquezas sem igual

Aplausos pro Marechal
É ele quem sempre diz
O índio só é feliz no seu habitat natural
Orlando em suas trajetórias
De homenagens e glórias se faz imortal
Sonhei índios e brancos vivendo em harmonia
De Verde e Branco no meu carnaval

Tem cheiro de verde no ar
Sou índio de flecha e cocar
E com Villas Bôas minha Barra Funda
Faz o povo delirar

Las canciones más vistas de

Samba-enredo en Octubre